RETO E DIRETO

Quando você cai, se machuca e precisa de ajuda para se levantar, quem você chama?
1) Seu amigo mais próximo
2) Seu amigo que mora no Japão
3) O prefeito de sua cidade
4) O general do exército

A não ser que o prefeito seja seu amigo próximo e vizinho, é óbvio que você irá chamar aquela pessoa de sua confiança, com quem você tem liberdade para pedir ajuda. Que irá provavelmente te levar a um hospital e ficar ao seu lado até que você se restabeleça. E ainda vai te fazer um cafuné e dar uns bons conselhos.

Bom, em linhas gerais, é assim que funciona nas questões da espiritualidade também. Quando você se machuca, tanto física quanto emocional e energeticamente, quem virá te ajudar é sempre aquele que está mais próximo.

Muitos têm a crença dogmática que as entidades do astral são todas multifuncionais e estão em todo lugar e fazem tudo ao mesmo tempo. Então, se você precisar de ajuda com os problemas do coração, você pode chamar um General do Exército, que ele vai te ajudar com suas mágoas.

Não é bem assim que funciona. Lembra do conceito hermético “assim como é em cima é em baixo e assim como é em baixo é em cima”? Existem hierarquias, diferentes conjuntos, ordens, organizações que trabalham em diferentes atribuições. Sejam questões políticas planetárias, de tecnologia da alma, despertar de consciência, entre tantos outros projetos.

Leia sobre Ancoramento aqui.

Quando precisa de ajuda, o General do Exército que você chamou (se te der bola) irá provavelmente enviar um subordinado, um trabalhador que esteja mais próximo de você. Ou o que mais acontece é que aquele que você chamou não tem nada a ver com aquele que apareceu pra te ajudar. Não precisamos citar nomes, porque o que menos importa são os nomes.

O mais importante é que você reconheça a importância do seu amigo espiritual, que muitos de nós conhecemos como guias pessoais, anjos da guarda, Exus e Pombagiras que fazem parte da nossa história encarnacional, de nossa linhagem ancestral. Você não precisa ser de nenhuma religião – de origem africana ou qualquer religião – para chamar por seus amigos, pois eles estão presentes. Você os reconheça ou não. Então pode chamá-los pelo nome que desejar.

O Marcelo já falou sobre o papel deles neste vídeo também.

Mas, onde eu quero chegar? Fazer um alerta àqueles que buscam por modismo, ou por desespero, a ajuda e orientação de grupos que se dizem estelares. Sim, as entidades estelares existem e estão trabalhando intensamente para nos ajudar. Seja no despertar da humanidade para uma realidade fora do planeta Terra, para nos orientar no caminho ascensional, em questões ligadas ao resgate planetário e tantas outras atribuições.

Mas tanto eu quanto você dificilmente teremos condições de discernir se aqueles que se dizem arcturianos, pleiadianos, sirianos, realmente são o que dizem ser. E se fazem realmente aquilo que prometem. Até mesmo o médium mais competente pode cair nas armadilhas do ego e dos hologramas.

Muitas pessoas, seja por desesperança na espiritualidade terrestre, por questões de contratos de vidas passadas, magias, maldições, e questões densas que impedem que suas vidas caminhem, têm buscado a ajuda desses seres e grupos. Acreditando que uma vez que nada deu certo até este momento, “eles” irão fazer algo a respeito.

Entenda primeiramente: se eles são realmente estelares, isto significa que não encarnaram como humanos e não conhecem as nossas dores, mágoas, doenças, problemas emocionais. Sendo assim, como poderão nos ajudar diretamente? É a mesma situação do início do texto. No momento de desespero, não adianta chamar um ET, porque a ajuda que ele poderá te oferecer é questionável. Provavelmente quem irá te ajudar é o seu guardião, por amor. Ou então, algum grupo ou entidade se aproveitando de sua fragilidade. Aí a conta virá mais cedo ou mais tarde.

Existe muito holograma, muita desinformação no meio esotérico-espiritualista-estelar. Por isso, antes de buscar a solução de seus problemas em grupos externos, olhe com carinho para aqueles que estão de seu lado desde sempre. Que, assim como você, encarnaram, passaram pelos mesmos problemas e conhecem na linha temporal todos os contratos feitos em vidas passadas. Muitos assumiram o compromisso de te ajudar nesta vida, justamente a limpar esses mesmos contratos e a despertar para uma nova realidade.

E em 100% das vezes, são eles, seus Exus e Pombagiras que te incentivam a estudar, a abrir a visão para novas realidades, até mesmo para as realidades estelares. Pois eles sabem que é necessário que a gente, aqui encarnado, evolua com consciência, para juntos sairmos da roda encarnacional. E como grupo, possamos voltar para casa. Juntos.

Pense que muitos de seus guias pessoais já podiam ter ascensionado, mas estão neste momento te ajudando a despertar, a evoluir. E você aí, imaginando que só os estelares podem te ajudar neste momento, ou conseguem adivinhar o que você está passando.

Como disse um amigo esses dias: “Sabe por que você não confia nas suas entidades? Porque você não confia em você. Quando finalmente tiver consciência do teu poder, você não irá entregá-lo a ninguém! E quando descobrir essa força, descobrirá a força de suas entidades.”

Fomos ensinados a buscar por mestres, gurus e salvadores. E muitos trocam o santo, mas não trocam o ritual, mantendo os padrões devocionais e dogmáticos. Somos presas fáceis. Somos rebanho.

Lembre-se que o Pastor cuida de suas ovelhas para tosquiá-las, comê-las e obter o maior lucro possível com elas. E esse padrão devocional vem de fora do planeta, foi trazido justamente por grupos “estelares” que hoje vocês buscam por ajuda.

Que tal fazer perguntas? Duvide sempre, questione, peça confirmação aos seus guias sobre qual caminho seguir. Você certamente receberá a resposta.

E honre aqueles que por amor estão aí do seu lado, esperando que você peça sua ajuda.

Um comentário sobre “RETO E DIRETO

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s